Seja Mudança. Assista o vídeo.

Entenda a importância da literatura infantojuvenil no aprendizado do aluno

A literatura infantojuvenil desempenha um papel importante na educação de crianças, por apoiar o desenvolvimento de habilidades e competências ligadas à comunicação e expressão. No entanto, nem sempre ela é bem utilizada em sala de aula, muitas vezes pela falta de obras adequadas para a faixa etária dos alunos, o que pode diminuir o interesse pela leitura.

Para ajudar os pequenos a equilibrar o estudo e a leitura com o uso de tecnologias como o celular, por exemplo, os livros podem ser uma boa tática para captar a atenção deles. Isso porque fica mais fácil criar o hábito de leitura quando somos menores.

Neste post, vamos falar sobre a importância da literatura infantojuvenil no aprendizado do aluno. Quer saber mais? Confira!

Qual é a importância da literatura infantojuvenil?

A literatura tem um papel fundamental na formação de uma criança e pode funcionar como um primeiro passo para desenvolver sua fruição artística e valores humanos. Existem características que podem ser mais desenvolvidas apenas com o hábito da leitura. Vamos falar de algumas delas a seguir. literatura, apesar de não ser vista com a devida importância, tem um papel fundamental na formação de uma criança. Existem características que podem ser mais desenvolvidas apenas com o hábito da leitura. Vamos falar de algumas delas a seguir. 

Criatividade

A fase escolar é um momento da vida importante para ensinar o aluno a valorizar e desenvolver sua criatividade para que ele interaja com o mundo de forma autônoma e autêntica. A literatura infantojuvenil ajuda a organizar e a reter informações, fazendo com que ele se torne progressivamente mais criativo. infância é uma época da vida em que a criatividade é muito usada. A literatura infantojuvenil ajuda a criança a organizar e reter informações, fazendo com que ela se torne progressivamente mais criativa.

Capacidade de leitura

A criança que tem o hábito de ler desenvolve mais facilmente competências de interpretação de texto e comunicação, bem como de produção textual. Ao ser exposto a uma boa diversidade de textos desde cedo, o estudante compreende melhor o uso dos diversos gêneros textuais da língua, seus contextos de uso e intenções de comunicação.criança que tem o hábito de ler frequentemente dificilmente terá dificuldades de leitura quando crescer. Além disso, a escrita dela será melhor. Isso porque, ao praticar desde cedo, fica mais fácil se dar bem com uma língua.

Senso crítico

A leitura é uma das principais maneiras de obter informações diversas, e textos de qualidade podem incitar reflexões importantes que ajudarão o aluno a desenvolver seu senso crítico. Assim, ele estará apto para formular suas próprias opiniões e argumentos com autonomia, contribuindo para a sociedade de forma positiva. leitura proporciona diversas fontes de informações diferentes, ajudando que a criança forme um senso crítico. Isso é fundamental para que ela desenvolva suas próprias opiniões e não se torne uma pessoa alienada.

Quais são os melhores livros para uma criança?

Os temas dos livros infantojuvenis se tornam mais complexos conforme a faixa etária à qual são destinados. Por isso, é importante estar atento à temática que o aluno será exposto, bem como às competências que a leitura do livro ajudará a desenvolver, para que estejam alinhadas ao plano de desenvolvimento previsto em cada etapa escolar.

O catálogo da SM Educação apresenta obras literárias para diversas faixas etárias, com temáticas compatíveis e autores brasileiros e estrangeiros, permitindo uma troca cultural significativa. Veja algumas sugestões:

Os futebolíssimos: o mistério dos olhos de falcão

Esse é um livro para agradar os fãs de futebol. Os Futebolíssimos: o mistério dos olhos de falcão, de Roberto Santiago, é o quarto volume da coleção sobre futebol e mistério, destinada aos leitores a partir de 10 anos. Nessa aventura, o time Soto Alto FC se prepara para um campeonato que reunirá nada mais nada menos que times como Real Madrid, Barcelona e Atlético de Madrid. Um novo sistema de câmeras que monitora o jogo, os “olhos de falcão”, promete muitas aventuras para a turma de pequenos atletas. 

No corredor dos cobogós

Este é um livro da autora Paula Fábrio e fala sobre a história de um diário, que foi escrito em 1980 e encontrado em 2015. No corredor dos cobogós trata de sentimentos diversos, perdas e separações. 

Vamos acordar o dia? Histórias de uma linha só

João Anzanello Carrascoza escreveu este livro com vários contos sobre vivências infantis, destacando a imaginação e a curiosidade das crianças. Os contos de Vamos acordar o dia? Histórias de uma linha só trazem uma linguagem poética cheia de sutilezas sobre o mundo infantil, o que ajuda a criança a se identificar facilmente com a obra.

Histórias guardadas pelo rio

Essa é a história de Pedro, um jovem que não consegue fazer algo que é feito por todos em sua cidade: pescar histórias para trocar ou presentear. Inconformado, toma uma iniciativa para conseguir o que quer, e assim se desenrolam as Histórias guardadas pelo rio

A literatura infantojuvenil pode apoiar o aprendizado na escola e contribuir para o desenvolvimento da postura cidadã e de valores dos alunos. Por isso, não se pode menosprezá-la, já que ela também faz parte do processo de formação de qualquer pessoa. Inclua atividades de leitura entre as crianças e os jovens e complete o aprendizado com literatura.

Gostou de ler sobre a importância da literatura infantojuvenil? Então, entre em contato conosco para saber mais sobre os nossos materiais!

COMPARTILHE ESTA HISTÓRIAShare on FacebookTweet about this on Twitter

Deixe seu comentário