Seja Mudança. Assista o vídeo.

5 melhores dicas de como engajar os alunos no aprendizado

Saber como engajar alunos durante a aula é um desafio. Isso porque, com o aumento do uso de smartphones, as distrações em sala aumentam e podem comprometer o aprendizado. No entanto, com algumas mudanças e adaptações, é possível reverter essa situação.

Existem diversas técnicas que podem ajudar no planejamento pedagógico para que o processo de aprendizagem dos alunos seja mais dinâmico e natural. Dessa forma, eles não se sentem desmotivados com a aula e têm mais facilidade de relacionar os novos conhecimentos ao seu contexto de vida.

Neste post, trazemos cinco dicas de como engajar os alunos no aprendizado. Confira!

1. Adote o ensino em duplas

Organizar a sala em duplas, com um estudante de frente para o outro, é uma excelente maneira de mantê-los engajados. Dessa forma, eles podem dividir suas opiniões com os colegas, já que a comunicação entre eles fica mais fácil, e é possível discutir a matéria, contribuindo para o aprendizado colaborativo. 

2. Pratique o cooperativismo

Tente propor atividades em grupo, em que os estudantes precisem uns dos outros para chegar à solução do problema. Em grupo, eles podem unir ideias para definir estratégias e soluções, além de exercitar criatividade e habilidades sociais. No entanto, é importante se certificar de que cada um do grupo ficou responsável por uma parte do trabalho.

3. Empregue novas formas de avaliação

Além de inovar nas aulas, tente escolher novas formas de avaliar os alunos. Isso dará mais oportunidades para que eles demonstrem o aprendizado de outras maneiras além das provas tradicionais e permitirá que percebam o valor das habilidades que estão desenvolvendo, em vez de apenas decorar conteúdo. Você pode avaliar o desenvolvimento deles por meio de projetos em grupo ou participação em sala de aula, por exemplo. Não precisa se restringir às formas de avaliação mais utilizadas.

4. Utilize a tecnologia como aliada

Está cada vez mais difícil disputar a atenção dos estudantes com os smartphones. Por isso, use a tecnologia a seu favor. Atualmente, existem diversos jogos digitais que podem ser utilizados na educação. Você pode adaptá-los para o conteúdo que está sendo trabalhado e, assim, ajudar os alunos a desenvolverem suas competências mais facilmente.

5. Teste a sala de aula invertida

A estrutura de sala de aula invertida é uma prática cada vez mais bem-vinda para os educadores. Nesse modelo, deve-se pedir aos alunos que leiam materiais sobre os temas de estudo em casa, antes da aula, para que possam gerar discussões interessantes a respeito do assunto. Na escola, o educador passa a agir como um tutor dessas conversas, expandindo os conteúdos que os alunos já estudaram em casa, tirando dúvidas e avaliando o aprendizado.

Existem diversas formas de engajar os alunos em sala de aula. O ideal é você conhecer o perfil da turma e saber qual é a melhor maneira de obter a atenção dos estudantes. Também não é preciso se prender a apenas uma dessas dicas. Você pode variar e, cada dia, utilizar uma maneira diferente.

Agora que você aprendeu como engajar alunos no aprendizado, a aula ficará mais produtiva e prazerosa para todos que participam do processo educativo, inclusive para o educador. Ao descobrir novas formas de desenvolver o potencial dos alunos, o docente também aprende e evolui junto com a turma.

Gostou de saber como engajar os seus alunos na sala de aula? Então leia o nosso post para descobrir 3 maneiras de incluir a tecnologia na educação dos jovens!

COMPARTILHE ESTA HISTÓRIAShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

7 Comentários

Francisco Puga Jr. escreveu:

Interessante reflexão para sala de aula. Porém nem sempre é possível alterar o layout da sala de aula em 50 minutos com turmas diferentes. É mais fácil no Ensino Fundamental I


Julio Cesar escreveu:

Muito interessante


Clarete escreveu:

Muito interessante acrescentarei aos meus planejamentos. Obrigada


Deixe seu comentário