Seja Mudança. Assista o vídeo.
Todos de olhos bem abertos com as notícias!

Notícias das Redes Sociais. Dá pra confiar?

Veja como ensinar a checar as informações que recebemos todos os dias.

As notícias estão invadindo as salas de aula. Como ensinar a ter senso crítico e checar a veracidade das informações das redes sociais, antes de assimilá-las ou compartilhá-las?

Segundo o “Aos Fatos”, site brasileiro que faz a checagem de notícias, o primeiro passo é verificar a atribuição de fonte para saber de onde a informação veio, se veio de um site jornalístico ou de uma universidade renomados. No entanto, não é fácil reconhecer quando um site é verdadeiro, muitos websites piratas tentam copiar as páginas de entrada de sites oficiais.

Uma dica importante está em relação ao alto grau de adjetivação em títulos e textos falsos ou sensacionalistas. Os jornais sérios possuem normas claras de não adjetivar absolutamente nada. Exageros como “a maior impunidade de todos os tempos” denota o não compromisso com a exatidão das informações.

Lembrar que existem interesses comerciais e motivações desconhecidas por trás das notícias também é sempre prudente.

Com isso, retornamos aos tempos da dialética onde a transmissão e memorização de conhecimento não são tão importante quanto o questionamento e o entendimento crítico do mundo em que vivemos.

Ainda segundo o “Aos Fatos”, existem seis diretrizes básicas na checagem de informações:


FONTES CONFIÁVEIS

Veículos conhecidos são mais confiáveis. Mas é preciso checar o endereço. Online é muito fácil replicar a identidade visual de qualquer veículo.

QUESTIONE

A fonte é uma instituição de credibilidade? Qual foi a metodologia usada para chegar àquele resultado? Tente responder perguntas desse tipo antes de compartilhar.

REFERÊNCIAS

Se houver link externo, que leve para a fonte original daquela informação, melhor.

LINGUAGEM

“Petralha”, “coxinha”, “golpista”

Muitos adjetivos ou conotação pejorativa tendem a indicar textos falsos ou distorcidos. Recorra a fontes com linguagem mais equilibrada.

QUEM ASSINA O TEXTO?  É POSSÍVEL CONTATAR O SITE?

Confira se há o expediente do veículo, e-mail, endereço físico ou telefone.

REDES SOCIAIS SÃO UM COMEÇO, MAS NÃO A MELHOR FONTE

Fonte é a pessoa ou instituição que presta informação qualificada.

Notícias: Pare, olhe e pense.

E na dúvida, não compartilhe.

COMPARTILHE ESTA HISTÓRIAShare on FacebookTweet about this on Twitter

Deixe seu comentário